Categoria : Cinema

Home/Arquivo por Categoria" Cinema"

Oscar 2019

A cerimônia do Oscar deste ano promete várias inovações. Além de não ter um apresentador definido, a estatueta de melhor filme pode ir para um filme em língua espanhola, como é o caso de Roma, ou até mesmo para um filme baseado em quadrinhos, como o caso de Pantera Negra, da Marvel.

Além disso, Melissa McCarthy também aparece na premiação concorrendo como melhor atriz, ao mesmo tempo em que concorre como pior atriz no troféu Framboesa. Veja abaixo a lista completa de indicados:

Melhor Filme

  • Pantera Negra
  • Nasce uma Estrela
  • Infiltrado na Klan
  • Bohemian Rhapsody
  • A Favorita
  • Green Book
  • Roma
  • Vice

Melhor Atriz

  • Yalitza Aparicio (Roma)
  • Glenn Close (A Esposa)
  • Olivia Colman (A Favorita)
  • Lady Gaga (Nasce Uma Estrela)
  • Melissa McCarthy (Poderia me Perdoar?)

Melhor Ator

  • Christian Bale (Vice)
  • Bradley Cooper (Nasce Uma Estrela)
  • Willem Dafor (At Eternity’s Gate)
  • Rami Malek (Bohemian Rhapsody)
  • Viggo Mortensen (Green Book)

Melhor Atriz Coadjuvante

  • Amy Adams (Vice)
  • Marina de Tavira (Roma)
  • Regina King (Se a Rua Beale Falasse)
  • Emma Stone (A Favorita)
  • Rachek Weisz (A Favorita)

Melhor Ator Coadjuvante

  • Mahershala Ali (Green Book)
  • Adam Driver (Infiltrado na Klan)
  • Sam Elliot (Nasce uma Estrela)
  • Richard E. Grant (Poderia me Perdoar?)
  • Sam Rockwell (Vice)

Melhor Direção

  • Infiltrado na Klan
  • Guerra Fria
  • A Favorita
  • Roma
  • Vice

Melhor Roteiro Original

  • A Favorita
  • First Reformed
  • Green Book
  • Roma
  • Vice

Melhor Roteiro Adaptado

  • The Ballad of Buster Scruggs
  • Infiltrado na Klan
  • Poderia me Perdoar?
  • Se a Rua Beale Falasse
  • Nasce Uma Estrela

Melhor Animação

  • Os Incríveis 2
  • Ilha de Cachorros
  • Mirai
  • WiFi Ralph
  • Homem-Aranha no Aranhaverso

Melhor Filme Estrangeiro

  • “Capernaum” (Líbano)
  • “Guerra Fria” (Polônia)
  • “Never Look Away” (Alemanha)
  • “Roma” (México)
  • “Assunto de Família” (Japão)

Melhores Efeitos Visuais

  • Vingadores: Guerra Infinita
  • O Primeiro Homem
  • Jogador Nº 1
  • Christopher Robin – Um Encontro Inesquecível
  • Han Solo – Uma Aventura Star Wars

Melhor Figurino

  • The Ballad of Buster Scruggs
  • Pantera Negra
  • A Favorita
  • O Retorno de Mary Poppins
  • Duas Rainhas

Melhor Direção de Arte/Design de Produção

  • Pantera Negra
  • A Favorita
  • O Primeiro Homem
  • O Retorno de Mary Poppins
  • Roma

Melhor Trilha Sonora

  • Pantera Negra
  • Infiltrado na Klan
  • Se a Rua Beale Falasse
  • Ilha de Cachorros
  • O Retorno de Mary Poppins

Melhor Canção Original

  • “All The Stars” (Pantera Negra)
  • “I’ll Fight” (RBG)
  • “Shallow” (Nasce uma Estrela)
  • “The Place Where Lost Things Go” (O Retorno de Mary Poppins)
  • “When a Cowboy Trades His Spurs For Wings” (The Ballad of Buster Scruggs)

Melhor Fotografia

  • Guerra Fria
  • Roma
  • Nasce Uma Estrela
  • A Favorita
  • Never Look Away

Melhor Edição

  • Infiltrado na Klan
  • Bohemian Rhapsody
  • A Favorita
  • Green Book
  • Vice

Melhor Edição de Som

  • Pantera Negra
  • Bohemian Rhapsody
  • O Primeiro Homem
  • Um Lugar Silencioso
  • Roma

Melhor Mixagem de Som

  • Pantera Negra
  • Bohemian Rhapsody
  • O Primeiro Homem
  • Roma
  • Nasce Uma Estrela

Melhor Documentário

  • Free Solo
  • Hale County this Morning , This Evening
  • Minding the Gap
  • RBG
  • Of Fathers and Sons

Melhor Curta Metragem – Live-action

  • Detainment
  • Fauve
  • Marguerite
  • Mother
  • Skin

Melhor Curta Metragem – Animação

  • Animal Behavior
  • Bap
  • Late Afternoon
  • One Small Step
  • Weekends

Melhor Curta Metragem – Documentário

  • Black Sheep
  • End Game
  • Lifeboat
  • A Night at the Garden

Period. End of Sentence.

Leia Mais

Gotti é o filme com mais indicações para o Framboesa de Ouro deste ano

A premiação menos cobiçada da indústria do cinema divulgou sua lista de indicados para a edição deste ano. Criado em 1980, o Troféu Framboesa de Ouro prestigia os piores filmes do ano.

A longa (e dolorosa) lista de 2018 contém grandes lançamentos como Holmes & Watson, Jurassic World: Fallen Kingdom, 50 Tons de Liberdade e o longa Gotti, que detém o maior número de indicações este ano.

O filme estrelado por John Travolta ostenta 0% de aprovação no Rotten Tomatoes, site que consolida as avaliações de diversos críticos dos EUA. Veja abaixo a lista completa:

PIOR FILME

  • Gotti
  • Crimes em Happytime
  • Holmes & Watson
  • Robin Hood – A Origem
  • A Maldição da Casa Winchester

PIOR ATRIZ

  • Jennifer Garner, Peppermint
  • Amber Heard, London Fields
  • Melissa McCarthy, Crimes em Happytime e Alma da Festa
  • Helen Mirren, A Maldição da Casa Winchester
  • Amanda Seyfried, The Clapper

PIOR ATOR

  • Johnny Depp (voz) – Gnomeu e Julieta: O Mistério do Jardim
  • Will Ferrell, Holmes & Watson
  • John Travolta, Gotti
  • Donald J. Trump (como ele mesmo), Death of a Nation e Fahrenheit 11/9
  • Bruce Willis, Desejo de Matar

PIOR ATOR COADJUVANTE

  • Jamie Foxx, Robin Hood – A Origem
  • Ludacris (voz), Show Dogs
  • Joel McHale, Crimes em Happytime
  • John C. Reilly, Holmes & Watson
  • Justice Smith, Jurassic World: Fallen Kingdom

PIOR ATRIZ COADJUVANTE

  • Kellyanne Conway (como ela mesma), Fahrenheit 11/9
  • Marcia Gay Harden, 50 Tons de Liberdade
  • Kelly Preston, Gotti
  • Jaz Sinclair, Slender Man: Pesadelo Sem Rosto
  • Melania Trump (como ela mesma), Fahrenheit 11/9

PIOR COMBINAÇÃO NA TELA

  • Qualquer combinação de bonecos ou atores (especialmente nas cenas de sexo) em Crimes em Happytime
  • O rápido declínio da carreira de Johnny Depp em Gnomeu e Julieta: O Mistério do Jardim
  • Will Ferrell e John C. Reilly estragando personagens queridos da literatura em Holmes & Watson
  • Kelly Preston e John Travolta com críticas no nível de Battlefield Earth em Gotti
  • Donald J. Trump e sua interminável mesquinharia em Death of a Nation e Fahrenheit 11/9

PIOR REMAKE, SEQUÊNCIA OU CÓPIA

  • Death of a Nation (remake de Hillary’s America)
  • Desejo de Matar
  • Holmes & Watson
  • The Meg (cópia de Tubarão)
  • Robin Hood – A Origem

PIOR DIRETOR

  • Etan Cohen, Holmes & Watson
  • Kevin Connolly, Gotti
  • James Foley, 50 Tons de Liberdade
  • Brian Henson, Crimes em Happytime
  • The Spierig Brothers (Michael e Peter), A Maldição da Casa de Winchester

PIOR ROTEIRO

  • Death of a Nation”
  • 50 Tons de Liberdade
  • Gotti
  • Crimes em Happytime
  • A Maldição da Casa de Winchester
Leia Mais

Glen Close e a estátua de ouro

Glen Close pode estar perto de levar a estatueta do Oscar afinal. Com o prêmio do Globo de Ouro esta semana, as apostas aumentam para a atriz do filme A esposa.

Conhecida por filmes que hoje são referência, como Atração Fatal e Ligações Perigosas, Close já respondeu antes a jornalistas que suas 6 nomeações ao Oscar em outros anos já dava motivos para se sentir campeã. Considerando a quantidade de atrizes na indústria cinematográfica, ela tem razão. Mas ninguém pode negar o prazer de ser reconhecido e levar o título de primeiro lugar. O Globo de Ouro foi de Glen Close, veremos no final de fevereiro se a tendência se confirmará no Oscar.

Leia Mais

Bradley Cooper é o grande nome do Globo de Ouro

Concorrendo nas categorias de melhor ator e diretor por Nasce uma estrela no Globo de Ouro deste ano, que acontece amanhã,  Bradley Cooper já é figura recorrente das premiações. Aos 43 anos, completos neste sábado, 5, o ator já estrelou grandes filmes como “O lado bom da vida”, “A trapaça” e o premiado Sniper Americano.

Há uma grande expectativa de que o longa, protagonizado por Cooper e Lady Gaga, consiga ser indicado ao Oscar. A lista dos filmes que participarão da premiação será divulgada no dia 22 de janeiro.

Leia Mais

Mônica Martelli comemora o sucesso de ‘Minha Vida em Marte’

Foto: Divulgação (Globo Filmes)

Lançado na última quinta-feira, Minha Vida em Marte, longa de Mônica Martelli e Paulo Gustavo estreou em segundo lugar na bilheteria nacional, desbancando Blockbusters como os aguardados “O Retorno de Mary Poppins” e “Bubllebee”.

No longa, Fernanda (Monica Martelli) está casada com Tom (Marcos Palmeira), com quem tem uma filha de cinco anos, Joana (Marianna Santos). O casal está em meio ao desgaste causado pelo convívio por muitos anos, o que gera atritos constantes. Quem a ajuda a superar a crise é seu sócio Aníbal (Paulo Gustavo), parceiro inseparável durante a árdua jornada entre salvar o casamento ou pôr fim a ele.
Dirigido por Susana Garcia, o filme arrecadou mais de R$ 800 mil no fim de semana de estreia. A diretora é cotada para comandar o próximo longa de Paulo Gustavo, “Minha mãe é uma peça 3”.

Em entrevista para o portal Extra Online, Mônica comemorou o resultado do filme e narrou sua história na carreira artística:
— Eu me tornei o que sou hoje porque inventei uma carreira para mim, às custas de muito trabalho. Quando eu estreei na televisão (no programa “Chico Total”, de Chico Anysio), na década de 80, era assim: ou a mulher ia para o camarim das feias engraçadas ou para o das gostosas. E as pessoas perguntavam: “Mas ela é engraçada e é bonita… Que humor é esse?”. Recebi muitos “nãos”, ficava triste porque fazia papéis com que eu não me identificava: tartaruga no programa da Angélica, pontas, participações… Aí entendi que precisava escrever sobre o que eu conhecia — relembra a artista, de 50 anos, que semeou o sucesso ao decidir investir em textos inspirados em seus relacionamentos.

“Minha vida em marte” já está em cartaz. Veja o trailer abaixo:

Leia Mais

Jeff Bridges receberá prêmio honorário na próxima cerimônia do Globo de Ouro

Jeff Bridges  será homenageado na próxima cerimônia do Globo de Ouro pela Associação de Imprensa Estrangeira em Hollywood (Hollywood Foreign Press Association). No evento, o Prémio Cecil B. DeMille será atribuído ao ator em reconhecimento do seu trabalho no cinema na 76.ª Cerimónia dos Globos de Ouro, que se realiza a 6 de janeiro de 2019, no Beverly Hilton Hotel.

Bridges é figura conhecida nas premiações, tendo saído vitorioso em 2009 pela sua atuação no longa Coração Louco (2009). Além disso, o ator já foi nomeado seis vezes. Com mais de 70 participações no cinema, é sobretudo conhecido pelo seu desempenho em filmes como “A Última Sessão” (1971), “Tron” (1982), “Os Fabulosos Irmãos Baker” (1989), “O Rei Pescador” (1991), “O Grande Lebowski” (1998), “Indomável” (2010), e “Hell or High Water – Custe o Que Custar!” (2016).

Indicações:

No início de dezembro, o Globo de Ouro divulgou a lista de indicados. Entre os destaques estão os longas Nasce uma estrela (2018), Bohemian Rhapsody (2018) e Pantera Negra. Veja a lista completa abaixo:

Melhor filme (Drama)

  • Infiltrado na Klan
  • Pantera Negra
  • Bohemian Rhapsody
  • If Beale Street Could Talk
  • Nasce uma estrela

Melhor filme (Musical ou Comédia)

  • Podres de ricos
  • A favorita
  • Green Book: O Guia
  • O Retorno de Mary Poppins
  • Vice

Melhor atriz de filme (Drama)

  • Glenn Close (The Wife)
  • Lady Gaga (Nasce uma estrela)
  • Nicole Kidman (Destroyer)
  • Melissa McCarthy (Can You Ever Forgive Me?)
  • Rosamund Pike (A Private War)

Melhor ator de filme (Drama)

  • Bradley Cooper (Nasce uma estrela)
  • Willem Dafoe (At Eternity’s Gate)
  • Lucas Hedges (Boy Erased)
  • Rami Malek (Bohemian Rhapsody)
  • John David Washington (Infiltrado na Klan)

Melhor atriz em filme (Musical ou Comédia)

  • Emily Blunt (O Retorno de Mary Poppins)
  • Olivia Colman (A favorita)
  • Elsie Fisher (Eighth Grade)
  • Charlize Theron (Tully)
  • Constance Wu (Podres de Ricos)

Melhor ator em filme (Musical ou Comédia)

  • Christian Bale (Vice)
  • Lin-Manuel Miranda (O Retorno de Mary Poppins)
  • Viggo Mortensen (Green Book: O Guia)
  • Robert Redford (The Old Man and the Gun)
  • John C. Reilly (Stan & Ollie)

Melhor diretor de filmes

  • Bradley Cooper (Nasce uma estrela)
  • Alfonso Cuaron (Roma)
  • Peter Farrelly (Green Book: O Guia)
  • Spike Lee (Infiltrado na Klan)
  • Adam McKay (Vice)

Melhor atriz coadjuvante em filmes

  • Amy Adams (Vice)
  • Claire Foy (First Man)
  • Regina King (If Beale Street Could Talk)
  • Emma Stone (A favorita)
  • Rachel Weisz (A favorita)

Melhor ator coadjuvante em filmes

  • Mahershala Ali (Green Book: O Guia)
  • Timothee Chalamet (Beautiful Boy)
  • Adam Driver (Infiltrado na Klan)
  • Richard E. Grant (Can You Ever Forgive Me?)
  • Sam Rockwell (Vice)

Melhor roteiro para filme

  • Barry Jenkins (If Beale Street Could Talk)
  • Adam McKay (Vice)
  • Alfonso Cuaron (Roma)
  • Deborah Davis and Tony McNamara (A favorita)
  • Peter Farrelly, Nick Vallelonga, Brian Currie (Green Book: O Guia)

Melhor filme em língua estrangeira

  • Capernaum
  • Girl
  • Never Look Away
  • Roma
  • Shoplifters

Melhor animação

  • Os Incríveis 2
  • Ilha dos Cachorros
  • Mirai
  • WiFi Ralph: Quebrando a Internet
  • Homem-Aranha no Aranhaverso

Melhor trilha sonora original para filmes

  • Marco Beltrami (Um lugar silencioso)
  • Alexandre Desplat (Ilha de cachorros)
  • Ludwig Göransson (Pantera Negra)
  • Justin Hurwitz (O primeiro homem)
  • Marc Shaiman (O retorno de Mary Poppins)

Melhor música para filmes

  • “All the Stars” (Pantera Negra)
  • “Revelation” (Boy Erased)
  • “Girl in the Movies” (Dumplin)
  • “Shallow” (Nasce uma estrela)
  • “Requiem for a Private War” (A Private War)

Melhor série (Drama)

  • The Americans
  • Bodyguard
  • Homecoming
  • Killing Eve
  • Pose

Melhor série (Musical ou Comédia)

  • Barry
  • Kidding
  • The Good Place
  • The Kominsky Method
  • Marvelous Mrs. Maisel

Melhor série limitada ou filme para TV

  • The Alienist
  • The Assassination of Gianni Versace: American Crime Story
  • Escape at Dannemora
  • Sharp Objects
  • A Very Englisch Scandal

Melhor ator em série (Musical ou Comédia)

  • Sascha Baron Cohen (Who is America?)
  • Michael Douglas (The Kominsky Method)
  • Donald Glover (Atlanta)
  • Jim Carrey (Kidding)
  • Bill Hader (Barry)

Melhor atriz em série (Musical ou Comédia)

  • Kristen Bell (The Good Place)
  • Candice Bergen (Murphy Brown)
  • Alison Brie (Glow)
  • Rachel Broshnahan (The Marvelous Mrs. Maisel)
  • Debra Messing (Will & Grace)

Melhor atriz em série (Drama)

  • Caitriona Balfe (Outlander)
  • Elisabeth Moss (O conto da aia)
  • Sandra Oh (Killing Eve)
  • Julia Roberts (Homecoming)
  • Keri Russell (The Americans)

Melhor ator em série (Drama)

  • Jason Bateman (Ozark)
  • Stephan James (Homecoming)
  • Billy Porter (Pose)
  • Richard Madden (Bodyguard)
  • Matthew Rhys (The Americans)

Melhor ator em série limitada ou filme para TV

  • Antonio Banderas (Genius: Picasso)
  • Daniel Bruhl (The Alieniest)
  • Darren Criss (The Assassination of Gianni Versace: American Crime Story)
  • Benedict Cumberbatch (Patrick Melrose)
  • Hugh Grant (A Very English Scandal)

Melhor atriz em série limitada ou filme para TV

  • Amy Adams (Sharp Objects)
  • Patricia Arquette (Escape at Dannemora)
  • Connie Britton (Dirty John)
  • Laura Dern (The Tale)
  • Regina King (Seven Seconds)

Melhor ator coadjuvante em série, série limitada ou filme para TV

  • Alan Arkin (Kominsky Method)
  • Kieran Culkin (Succession)
  • Edgar Ramirez (The Assassination of Gianni Versace: American Crime Story)
  • Ben Whishaw (A Very English Scandal)
  • Henry Winkler (Barry)

Melhor atriz coadjuvante em série, série limitada ou filme para TV

  • Alex Bornstein (The Marvelous Mrs.Maisel)
  • Patricia Clarkson (Sharp Objects)
  • Penelope Cruz (The Assassination of Gianni Versace: American Crime Story)
  • Thandie Newton (Westworld)
  • Yvonne Strahovski (O conto de Aia)
Leia Mais

Turma da Mônica – Laços leva personagens de Mauricio de Sousa às telas de cinema

Na última terça-feira, 18, o longa-metragem “Turma da Mônica – Laços” ganhou seu primeiro trailer completo. Na prévia de 2min, já temos o gostinho de como será a aventura dos personagens de Maurício de Sousa. Além dos protagonistas, o trailer apresenta o personagem “Louco”, interpretado por Rodrigo Santoro. Também estão no elenco Monica Iozzi, como a Dona Luísa, Paulo Vilhena como seu Cebola, e Ravel Cabral como Homem do Saco. A direção é de Daniel Rezende (“Bingo: O rei das manhãs”). O longa tem estreia prevista para junho de 2019.

Leia Mais

Sequencia de Mary Poppins chega às telas de cinema 54 anos após o original

Conhecido pelos musicais Caminhos da Floresta, Nine e Chicago,  Rob Marshall, diretor de O Retorno de Mary Poppins, deu uma entrevista para o podcast Playback, da revista Variety, onde falou sobre suas expectativas para o lançamento do novo filme da Disney.

“Essa ideia que um raio de luz pode chegar e te ajudar a superar tempos sombrios sempre foi algo muito pessoal para mim. Nosso filme é ambientado na Grande Depressão em Londres, e para mim, essa época se relaciona muito bem com a atualidade. Eu sei que muitas pessoas estão lutando para conseguir pagar as contas no final do mês, para constituir uma família”, afirmou o diretor.

O diretor revelou ainda que o filme vai lidar com temas pesados, como luto e perda.

“Eu sempre fui atraído pela ideia da perda, não apenas do deslumbramento e alegria que temos quando somos crianças, mas também a perda da mãe. O filme é sobre uma família que precisa se curar. Então, eu quero passar uma mensagem de esperança. Acho que é exatamente disso que estamos precisando agora”, contou Marshall.

Em O Retorno de Mary Poppins, Emily Blunt assume o papel da personagem que ficou eternizada por Julie Andrews no clássico de 1964. O elenco conta com Lin-Manuel Miranda, Dick Van Dyke e Angela Lansbury. A direção é de Rob Marshall (Caminhos da Floresta) e o roteiro fica por conta de David Magee.

O Retorno de Mary Poppins estreará em 20 de dezembro de 2018.

Leia Mais

Brasil ganha estreia antecipada de Aquaman

Primeiro filme após o controverso Liga da Justiça, Aquaman tem a difícil missão de dar coesão ao universo cinematográfico da DC Comics. O Filme estreia hoje nas principais salas de exibição do país.
Com grandes imagens de batalhas no fundo do mar, uma incrível perseguição sobre os telhados e espetaculares efeitos especiais, o vídeo mostra Arthur Curry (Jason Momoa) em sua jornada para Atlântida, o reino submerso do qual é herdeiro.
O filme apresenta o romance entre Atlanna e Thomar Curry (Temuera Morrison), os pais de Arthur. Criado apenas pelo faroleiro e pescador, ele possui a capacidade de se comunicar com os seres do oceano além de ser praticamente indestrutível. Mas Arthur não tem noção de sua verdadeira importância até ser convocado por Mera, princesa de um dos reinos submersos, para uma jornada até seu lar nos oceanos.
Diferente dos filmes de terror que costuma dirigir, James Wan investe numa pegada aventuresca com grandes sequências de ação a exemplo do trailer final do filme, que apresenta uma incrível perseguição. O longa estreia no dia 13 de dezembro

Leia Mais

O Grande Circo Místico

O Grande Circo Místico é o 18º longa-metragem de Carlos Diegues, um cineasta brasileiro com uma trajetória de sucesso com seus filmes que ganharam o mundo, tais como Bye-bye Brazil, Xica da Silva e Deus é Brasileiro. Em sua nova obra, dialogou com a poesia e a música: buscou inspiração no poema de Jorge de Lima e a trilha sonora tem músicas assinadas por Chico Buarque e Edu Lobo.

O filme conta a história de cinco gerações da família dona do circo. Desde a inauguração do Grande Circo Místico, em 1910, até os dias atuais, os espectadores acompanharão, com a ajuda de Celaví, o mestre de cerimônias, as aventuras e os amores da família Kieps, desde o início, passando por sua decadência, até o surpreendente final. Um filme em que realidade e fantasia se juntam em um universo místico.

A estréia no Festival do Rio neste último final de semana teve a presença do diretor, Cacá Diegues, e seu elenco: Jesuíta Barbosa, Bruna Linzmeyer, Mariana Ximenes, Juliano Cazarré, entre outros. A amiga de outros filmes, a atriz Betty Faria, e o cantor Djavan também estiveram presentes para prestigiar a equipe.

Veja nossa galeria completa de fotos da noite de estréia na nossa fanpage!

Fotos: Cristina Granato

Leia Mais