Categoria : Monika Nakamura

Home/Arquivo por Categoria" Monika Nakamura"

Limpeza e utilização dos cristais

Por Monika mgm Nakamura

Olá queridos ! Tudo bem?  Desde cedo eu nunca enxerguei as pedras como meras ferramentas de adorno como joias ou outros fins. Para mim as pedras preciosas ou semi preciosas sempre foram vistas de dentro pra fora e não o contrário. A energia que emerge de cada pedra sempre causou em mim uma sensação incrível de felicidade. Como se fosse atraída pela energia pura e sensível de cada uma. Sempre com uma importância e finalidade específica para cada ocasião ou situação a ser esclarecida através das vibrações que cada pedra suscita e representa como determinados instrumentos de auxílio de curas físicas, emocionais e espirituais.

Na minha singela opinião nenhum indivíduo compra, ganha ou encontra uma pedra por acaso. Existe uma real necessidade da pessoa em questão utilizar de alguma maneira a pedra que a “chamou”. Isso porque fica esclarecido que não somos nós que as escolhemos e sim somos todos escolhidos por elas. Acredito que devemos seguir a nossa intuição e ao observarmos uma pedra seja ela qual for deveríamos prestar atenção aos nossos sentidos ao visualizarmos e tocarmos numa pedra nos esforçarmos para tentarmos decifrar qual mensagem especial ela deseja nos passar e não relutarmos mais ao descobrirmos que ela nos remeterá exatamente a tudo aquilo que mais estamos precisando naquele momento! Esse assunto é bastante complexo e poderia ficar por bastante tempo escrevendo a respeito. Em resumo, as pedras são seres naturais que possuem “vida” e emanam um grande poder cristalino de cura a quem as utiliza consciente ou inconscientemente.

Dicas de limpeza são água e sal grosso , incensos de sândalo e rosa branca e colocar no sol até o meio dia. Também aconselho deixar sob os raios de chuvas com tempestades e a própria água da chuva. Uma limpeza energizante um banho de lua cheia e para descarregar as pedras na lua minguante. Assim como também colocar enterradas dentro de um vaso e depois retirar e lavar em água corrente, entre outras formas que mais adiante voltarei a me aprofundar um pouco mais.

Bjs e luz!

Até a próxima semana!

 

 

Leia Mais

O sofrimento é opcional

Olá queridos , tudo bem? Hoje irei falar sobre o estado de sofrimento. Isso mesmo. O que está por detrás do estado de passividade que torna muito mais cômodo ficar no lugar da vítima que reclama e se lamenta e nada faz para acrescentar alegria no próprio cotidiano. Ser o “sofredor “ que não sai da zona de conforto e precisa de lamúrias para “atrair” coisas ruins e repelir as coisas boas da vida. O sofredor não precisa trabalhar a vontade de vislumbrar um novo tempo e muito menos arregaçar as mangas para conquistar o que quer q seja! O sofredor se torna a própria vítima de si mesmo e faz dos companheiros um tormento só! O sofredor fica na posição estática , estagnado e amarrado nas próprias amarras! Ele é o algoz dos que o cercam . Faz dos outros seus súditos. Ele gera lamúrias e não quer mudar! Não busca ajuda! O sofredor tem o péssimo hábito de colocar a culpa de tudo que lhe acontece em cima dos ombros alheios. O sofredor escolheu esse estilo de vida. Ele não quer sair do buraco que se meteu. O buraco é a única opção pra si . Em muitos casos não tem mesmo nenhuma força e se apega ao sofrimento. Ele não escuta o som da voz que quer ajudar ! Ele não quer simplesmente. Para essas pessoas a solução é permanecer mesmo dessa forma! Caso vc conheça alguém assim a minha sugestão é que a presenteie com dois cristais : AMETISTA e QUATZO VERDE. Coloque as duas pedras juntas no mesmo ambiente perto da pessoa em potencial. Em algum tempo a pessoa irá se sentir menos pesada e passará a ter um novo comportamento. Óleos essenciais de lavanda+bergamota +ylan ylang. Algumas gotas dentro do difusor .
Bjs e luz!
Até a próxima!
Mônika mgm Nakamura

Leia Mais

Viver x Sobreviver

Por Monika Mgm Nakamura

Olá queridos! Hoje vou falar sobre a sutil diferença entre viver e sobreviver. Antes, uma pergunta! Você vive ou sobrevive? Já parou pra se questionar sobre isso? Muitas pessoas pensam que estão vivendo enquanto na verdade apenas sobrevivem. Existe uma grande diferença entre essas duas posturas.

Quem vive a própria vida tem o saudável hábito de lutar pelas coisas que acredita, tem um foco, objetivos definidos e estrutura. Tem base e não se influência perante a grande massa que o cerca. Quem vive sabe aproveitar melhor seu tempo e utiliza de ferramentas próprias para alcançar o seu sonhado patamar tão almejado. Isso não quer dizer que não tenha problemas ou que a vida seja puro mar de rosas! Isso significa que a pessoa que vive sabe “curtir” cada etapa sabendo o que quer da vida que está vivendo. Apesar das adversidades caminha em frente com disposição para continuar no rumo que programou para si. Quem vive acorda disposto e disponível a servir de modelo a si mesmo antes de qualquer coisa e não para estar inserido no diálogo do outro que o quer levar para fora do seu pretenso rumo anteriormente definido.

Quem vive já sabe quem é e o que está pretendendo no mundo. Quem vive faz o seu melhor para poder se sentir mais realizado e não para agradar quem quer que seja! Quem vive não cansa e não se envolve na confusão alheia. Quem vive não volta atrás no tempo, ao contrário, quer sempre ir avante por questões óbvias de não querer perder tempo olhando para aquilo que não pode mais ser modificado. Aprende que a vida e as escolhas que faz parte do aqui e agora. Quem vive PLENAMENTE tem pressa de conquistar e administrar o próprio tempo. Sente felicidade pelo fato de poder aproveitar a própria existência. E isso basta!

Ao contrário, quem apenas sobrevive acorda e já está se sentindo cansado. Quem sobrevive se sente permanentemente exausto e desanimado. Não vê expectativas a frente, não luta pelas mudanças necessárias e absorve o que vier pelo caminho. Quem sobrevive apenas se arrasta pelas horas do dia e se repete sem nenhuma experiência que possa auxiliar na sua prosperidade interior e exterior. Quem sobrevive come o que tiver à disposição e veste a roupa que primeiro achar dentro do armário. Quem sobrevive vive achando desculpas para a monotonia que se instalou na sua rotina diária.

Para quem apenas sobrevive todos os dias parecem iguais. Quando chove reclama do mau tempo e quando faz sol é muito quente. Quem sobrevive tem a criatividade bloqueada e as energias estagnadas. A passividade é uma anestesia e cultivar o sofrimento uma das formas de justificar a falta de energia. Pensando nesse tipo de pessoa que não VIVE mas apenas sobrevive, sugiro o uso de duas pedras no chacra do coração que são a kunzita e a Amazonita. Óleos essenciais de bergamota + sândalo no difusor. Uma conexão direta com a forma de criar novas formas de olhar pra si mesmo a partir de dentro e não ao contrário.

Até nosso próximo encontro aqui!

Bjs e luz!

Namastê!

Leia Mais

Desapegue!

Por Monika mgm Nakamura

Olá queridos! Tudo bem?

Hoje vou falar sobre a síndrome do apego! Isso mesmo! SÍNDROME! Já repararam como atualmente a maioria da população anda tão apegada a tudo? Esqueceram que a vida passa rápido e que quanto maior for o apego, menor serão as chances de crescimento e expansão na vida. Isso mesmo! Quem tem APEGO às coisas, pessoas e situações deixa de CRESCER como deveria.

O apego é na verdade o medo de ir pra frente. Quem tem medo do novo, vive se agarrando ao passado e às situações que o paralisam, que não o deixam ir avante nos próximos acontecimentos e poderiam levar a pessoa a uma condição melhor e mais proveitosa.

A pessoa fica ESTAGNADA, estacionada num lugar que já não pode mais evoluir. Se prende, ao invés de se lançar em uma nova situação. É necessário que se tenha em mente que para dar a largada, precisa urgentemente se colocar numa NOVA jornada e para se chegar na linha de chegada precisa dar a partida! Como se consegue tal proeza? Uma vez que sabemos da grande dificuldade que existe no apego demasiado que sentimos em algumas situações da vida.

Na minha filosofia de vida, meu mestre fala que o apego está diretamente ligado à falta de Fé. Quem tem apego precisa CONFIAR mais no resultado, crer que a partir do momento que já fez TUDO que estava a seu alcance deve imediatamente confiar e deixar que as coisas aconteçam naturalmente sem forçar qualquer tipo de movimento relativo ao assunto envolvido. Uma vez feito todos os preparativos deve se entregar e confiar que o que tiver que acontecer irá acontecer!

A questão maior é o indivíduo ter a compreensão de que o RESULTADO virá da melhor forma. Aconteça o que for acontecer será o mais CONVENIENTE para si e para seu próximo. Aceitar de bom grado seja o resultado que for e ir em frente com seus planos e projetos. Para isso se é exigido algum esforço nesse sentido, no que concerne se esforçar para não sucumbir e, na minha singela opinião, tomar a iniciativa de ser totalmente despojado de preocupações inúteis que não poderão ajudar em nada. Absolutamente pelo contrário, apenas elevam ainda mais o processo de dificuldade na realização de seus projetos na situação que se apega.

Quando o ser se apega exacerbadamente a algo ou pessoa, ao invés de melhorar a situação pela lei da atração, as coisas ficam ainda mais complicadas. Quem nessa vida já não teve a experiência de receber a coisa desejada quando justamente havia “desistido” e até se esquecido do que insistia tanto? Seja um emprego, um relacionamento ou até de uma cura? Extremamente eficaz no processo da materialização dos objetivos é termos essa conscientização. Focar em outras coisas e pessoas e, desse modo, obter mais facilmente aquilo que se deseja. Assim é a vida!

Aprendam que o apego estraga o que poderia vir a se tornar algo muito valioso. Nossa vida evolui de acordo com nosso próprio DESAPEGAR. Experimente usar por 21 dias as pedras quartzo fumê, que fará toda diferença no processo de cura para o desapego, fazendo a ponte entre o que ficou lá atrás e o agora, o quartzo rutilado, que trará um brilho novo para o presente de quem tem dificuldade em viver no presente por se sentir triste e a ametista para “queimar” a ponte que acabou de passar e poder começar de novo de uma nova maneira. Vá intercalando as três pedras. Óleo essencial de lavanda + gerânio no difusor. Para alívio imediato e liberdade para evoluir. Desapegar é preciso !

Até o próximo encontro!

Bjs e luz!

Namastê!

Leia Mais

Você sabe expressar seus desejos?

Por Monika mgm Nakamura

Olá queridos! Hoje vou falar sobre a linguagem corporal. No nosso cotidiano muitas vezes usamos a comunicação de forma banal. Nos dias atuais, temos pressa ao responder várias solicitações que recebemos diariamente. Por toda parte existe uma intensa demanda de pessoas, e também as redes sociais, e passamos nos sentir assoberbados por todos os lados. Com isso o estresse invariavelmente nos atinge de uma maneira geralmente desgastante.

A maioria das pessoas tendem a querer responder o mais rápido possível a essas demandas. Outros preferem deixar pra lá por um tempo. De qualquer forma chegará um momento que essa resposta terá que ser suprida. O silêncio também é uma sábia resposta em muitas situações. Talvez, a grande maioria ainda não tenha consciência plena disso mas o não falar ou o se calar representa a maior e mais significativa forma de dizermos que não estamos preparados ainda ou que simplesmente não temos interesse em determinado assunto. Talvez, na resposta do grande silêncio resida a mais bem pensada atitude. Isso valeria uma bela reflexão.

Algumas pessoas falam sim quando na verdade gostariam de falar não. E vice versa. E o silêncio causa espanto genuíno ainda por se tratar de um jeito “insensível “ para alguns de se obter alguma palavra. Assim como o ter uma atitude ou não ter nenhuma atitude diante de um fato serve como respaldo para novas situações. Quero dizer com isso que temos que compreender que ninguém é igual a ninguém e cada um de nós irá se manifestar da forma que conseguir se manifestar nessa vida. Justamente por essa razão que muitas pessoas não suportam quando não recebem a resposta, não conseguem ter o feedback como gostaria do seu interlocutor. Seja com palavras ou no tempo que espera. Não é nada pessoal, veja bem! Cada pessoa pensa de um modo e tem o seu próprio tempo. Nem antes e nem depois. Apenas seu próprio time.

Outro aspecto de suma importância para podermos entender bem a nossa comunicação de cada dia é o que passamos ao nosso outro, seja no local de trabalho, em casa ou nas redes sociais. Falamos muito mais em algumas horas com nosso corpo do que imaginamos.

Aliás, sem quase perceber transmitimos todo tempo mensagens através dos nossos movimentos físicos. Seja por caretas ou a forma como nos colocamos diante do outro. Gestos e até a forma como se olha para algo pode demonstrar se alguém está no agrado ou se está passando sensação de transtorno. Uma passada com as mãos no cabelo ou o cerrar dos olhos são gestos que se alternam e que podem transmitir muito mais que as palavras ditas. Um indivíduo pode dizer sim com a boca e ao mesmo tempo cruzar os braços apertado o que faz parecer que, na realidade, não queria dizer esse “sim”. Aquela velha máxima “não são as palavras ditas que falam a verdade, mas as atitudes” está muito em voga no que concerne esse texto.

Enfim, uma dica especial para quem tem o hábito de falar através das palavras algo, mas que na prática não consegue se expressar adequadamente, é usar uma pedra lapiz lazuli no na altura da garganta e usar no difusor óleos essenciais de menta piperita+lavanda+bergamota por 21 dias. Traz serenidade e descontração para se comunicar sem receios. Equilíbrio para se comunicar com uma perfeita conexão entre o eu e o outro. Também fazendo ponte de equilíbrio entre a mente e o corpo.

Bjs e luz!

Até breve!

Leia Mais

Reforma interior

Olá queridos! Tudo bem ?

Hoje vou falar sobre o tema a reforma interior. Todos nós precisamos de tempos em tempos dar uma paradinha e apertar o botão do “pause” em nossas vidas. Sabe quando temos a sensação de que as coisas estavam acontecendo de forma veloz e tudo da melhor maneira e de uma hora pra outra passaram a ficar mais lentas e não tão satisfatórias? Pois é!! É nesse momento que temos que parar um pouco e fazer uma nova reflexão sobre nossas vidas, nossas escolhas e nossos próximos passos a seguir.

Na atual conjectura, chega uma fase em que se formos olhar pra trás veremos que conseguimos construir muitas coisas boas no decorrer do percurso, mas que reformular e inserir novos alicerces no momento presente são necessários para que possamos dar continuidade aos nossos projetos.

O tempo passa e o que fomos ontem já não é o que somos hoje. Sim, nós sem percebermos mudamos. Mudamos tantas coisas e não nos damos conta de que a antiga pessoa que fomos anteriormente já não cabe dentro da nova que se iniciou. É interessante podermos observar que essa mudança se deva a contínua evolução que as situações no cotidiano aplicam em cada um de nós a sua maneira e necessidade.

Então, chega a hora em que se REFORMAR interiormente passa a ser uma atitude muito natural e até conveniente. O problema é que invariavelmente muitas pessoas pensam que se reformular tem a ver com querer reformar o outro. Ledo engano! Aqui falo sobre a reforma humana de si mesmo. De se olhar no espelho com toda franqueza e enxergar que a rotina, as coisas que vem fazendo e as medidas que têm tomado na própria vida tem que tomar outra direção e você poderá alcançar um novo patamar a partir da profunda reflexão e mudança interior. É retirar as cascas velhas, como numa limpeza da alma. Admitir que se atingiu o ápice do seu limite e que chegou o tempo exato para alçar novos patamares, mas não com a mesma postura. Colocando novas metas, dando novos sentidos e resolvendo mudar de postura em relação a própria vida. Talvez, seja mudar até de grupos, de cidade, de emprego …. se reformar por inteiro ou apenas em uma parte de si mesmo. Como numa obra dentro de sua casa. É sempre você quem pode decidir qual parte ou “cômodo” de seu interior quer transformar na sua vida! Ninguém mais pode fazer isto. Tem que partir de você. Lembre se de uma coisa!

Você é a parte integral de sua vida. Faça com que sua vida seja cada dia que passa mais satisfatória para si mesmo. Não cobre a reforma alheia. Faça a sua própria reforma e verá os resultados aparecerem. Se permita. Rejuvenesça fazendo sua reforma. De dentro para fora. Com bases sólidas. Quem sabe, iniciando pelas práticas espirituais. Fazendo o equilíbrio entre a matéria e o espiritual dessa vez? Assim como uma casa que com o tempo precisa de uma reforma, os seres humanos também precisam passar por esse processo para não dar problema. Você é o arquiteto responsável dessa obra. O importante é utilizar o bom senso e ser o mais verdadeiro consigo próprio. Não faça uma reforma fraca. Dessa vez utilize matéria prima de primeira qualidade. Pense bem ao colocar novos materiais dentro dessa reforma. Tenha como pensamento que nesse caso vale a pena investir em coisas que vão ter maior durabilidade. Coloque Fé e atitudes positivas na sua nova “casa”.  Não titubeie! É da sua vida que estamos falando. Com certeza terá mais estrutura e tranquilidade a partir de então. Para meditar a respeito desse assunto sugiro a pedra quartzo branco, lapiz lazuli e a ametista durante o processo . Óleo essencial de lavanda+ bergamota. Algumas gotas no difusor.

Bjs e luz!

Até a próxima!

Mônika mgm Nakamura

Leia Mais

Zona de conforto X Realização

Por Monika Mgm Nakamura

Queridos! Tudo bem?

Hoje vou falar sobre um tema que pode fazer grande diferença na vida de todos. Muitas vezes, desejamos uma nova transformação em nossas rotinas e acreditamos que o “milagre” irá cair do céu. Geralmente, isto ocorre quando está indo “tudo bem”, a vida está até razoável e aceitável mas nada de novo acontece. Porque até pra ficar na postura de zona de conforto tem que ter ferramentas confortáveis pra isso. Certo?

Queremos nesse estágio da vida que ALGO novo, alguma novidade entre e tudo fique mais alegre e renovado. Não estamos no fundo do poço mas ao mesmo tempo gostaríamos que do nada um novo acontecimento surgisse. Um novo colorido na vida! Certo? Sair da rotina e da letargia monótona do dia a dia. É o que frequentemente almejamos.

Então, nos posicionamos com nossos braços cruzados e ficamos a esperar… será mesmo que essa atitude fará algo realmente acontecer? Ledo engano! Preste atenção! Lamentações e reclamações, apontar o dedo em riste na cara do seu próximo e julgar que as mudanças irão partir do outro é nada mais que uma ilusão das pessoas que não se dão conta da realidade em que se encontram no atual momento. Preste bastante atenção! Somente quem pode mudar a sua vida é você mesmo! Ninguém mais! Isso! Duro de ouvir mas é a verdade! E para que algo novo que você tanto deseja ocorra, você terá que tomar a séria decisão de mudar. Se movimentar na direção do que deseja. É dar o primeiro passo. Parar com a velha ladainha de esperar pelo outro. Tem que tomar a iniciativa! Oras bolas! A SUA vida não é de mais ninguém!

É da sua VIDA que estamos tratando aqui. Sua vida e sua realização. Sua busca pelo que quer ver inserido na sua rotina! Pode ser desde a compra de um livro até o carro último modelo ou ainda uma viagem ao redor do mundo. Você nunca vai conseguir chegar onde deseja se não sair da sua ZONA de CONFORTO. Nunca! Isso mesmo. Tome agora mesmo a decisão de despertar pra essa VERDADE.

Quem pode comandar a sua história a partir de agora é você e somente você! Não é ficando à mercê dos outros que você vai conseguir alguma mudança. Isso é certo. Tenha consciência disso e não se acostume com a mania de se sabotar com artifícios ilusórios de que quando ganhar na mega sena as coisas irão ser diferentes. Até pra isso você tem que sair e passar na casa lotérica e ficar “torcendo” pra sorte bater na sua porta! Pasmem!

Não estou falando aqui sobre e apenas de bens materiais mas principalmente da questão da tomada da consciência de que as coisas na sua vida dependem de você mudar sua postura. Busque a sua realização por si mesmo que muitas vezes não será por intermédio de terceiros mas sim de sua própria garra e determinação. Faça por onde e sinta os resultados satisfatórios na própria pele. Ao invés de preferir ver a vida passar prefira fazer a vida que você sonhou deslanchar.

Tenha em mente que a princípio não será rápido como imagina mas será compensador quando conseguir chegar no seu tão almejado objetivo. Ao invés de ficar olhando para a grama do seu vizinho achando que ela é mais verde descruze os braços e planeje como irá conquistar o seu próprio jardim mais belo. Seja competitivo com si mesmo! Não com os outros. Vença a si mesmo e se tornará a pessoa que achou não existia mas que despertou para sua própria natureza que é de um vencedor.

Dá trabalho? Sim! Claro! Ninguém falou que seria fácil. Mas, garanto que na medida que for vencendo os empecilhos irá se sentir mais confiante e feliz. Porque a vida te pertence e somente você pode mudar aquilo que deseja. Você tem que amar a si mesmo em primeiro lugar para assim poder se dar o que acha que merece. Se você se ama pouco, não terá muito daquilo que merece de verdade.

Para poder alcançar metas mais altas é preciso acreditar e começar a se mexer. Fazer coisas diferentes de tudo que está habituado a fazer. É preciso saber viver… pedras indicadas para sair da letargia e da desmotivação rotineira são a granada, o rubi e a amazonita. Use as três ou cada dia alterne. Óleos essenciais use a lavanda + hortelã Pimenta . Misture algumas gotas e coloque no difusor.

Até a próxima !

Bjs e luz!

Mônika mgm Nakamura

Leia Mais

O que acontece com as palavras não ditas?

Por Mônika mgm Nakamura

Olá queridos!

Hoje vou falar sobre um assunto que está prejudicando muitas pessoas nos relacionamentos interpessoais e na própria vida. Pessoas que não conseguem expressar seus sentimentos e intenções e tem a péssima mania de irem empurrando as coisas que poderiam ser resolvidas no momento presente através das palavras. Pessoas que têm dificuldade para dialogar e colocar suas ideias pra fora. Pessoas que “engolem sapo” e por conta disso ficam com o chacra do laríngeo afetado, seja emocionalmente ou fisicamente, em consequência da incapacidade de se expressarem na hora certa e do modo que gostariam.

Talvez, na minha opinião esse seja um dos maiores obstáculos da humanidade atualmente. O não saber falar e omitir as próprias opiniões e ideias quando se tem vontade, seja por timidez ou por um motivo como não querer contrariar alguém, pode provocar graves danos à pessoa que assim tem o costume de agir.

A pessoa não sabe, mas agindo dessa forma vai aos poucos desencadeando um processo de tensão e estresse no qual pode criar uma série de doenças psicossomáticas geram doenças físicas na região da garganta. Já vi diversas pessoas que não disseram o que desejavam ficarem com “nós” na garganta, inflamações e até caroços no pescoço e região da garganta. Sem dizer as doenças mais graves como por exemplo o câncer na tireoide. Do mesmo modo, prejudica a criatividade que fica nessa situação sufocada, estrangulada por bloqueios causados pelo não falar ou se expressar.

Em contrapartida, existem os casos de pessoas que não pensam duas vezes antes de abrirem a boca e soltarem palavras muitas vezes “duras” e que machucam os que a cercam. Nesses casos, os problemas também aparecerão. Reprimir ou soltar as palavras sem organizar os pensamentos ou ponderar sobre o que realmente deve ser dito pode trazer benefícios ou danos pois cada uma dessas palavras pesa na balança quando chegam às consequências. O ideal seria não perder a oportunidade de se comunicar com seu próximo na hora que sentir vontade, mas sempre ponderando sobre as chances do que quer for sair através de suas palavras não vir provocar um impacto tão feroz na vida alheia.

A arte de se expressar é um privilégio de poucos mas que pode sim ser conquistado por muitos. Basta querer e treinar para isso. Nem sempre o silêncio é realmente uma boa resposta! Pois detrás desse suposto silêncio existem muitas palavras que gostariam de serem ditas e não são colocadas em tempo para fora. Acredite que ninguém tem uma bola de cristal e não vão adivinhar o que se passa com vc caso não fale claramente com todas as letras o que pensa ou deseja.

Muitas vezes é importante falar. Muitas vezes a falta de se expressar seja através das palavras ou da escrita ou até mesmo através de um gesto resulta em grandes perdas e ao invés de acelerar o processo de evolução faz com que o indivíduo fique na dúvida e cause atrasos que se não fosse dessa forma teria um novo destino mais promissor.

As pedras que indico para quem tem dificuldades em se comunicar através da fala são o quartzo azul para começar, a água marinha, o topázio azul e para finalizar a turqueza. Use cada uma nessa sequência durante 1 semana na altura da garganta e depois escolha a que melhor se adaptou para usar por tempo indeterminado em forma de joia ou bijuteria até sentir total segurança ao falar.

Bjs e luz!

Namastê!

Leia Mais

Livre arbítrio X Decisões

Por Monika mgm Nakamura

Olá queridos!

Hoje vou falar a respeito da ferramenta que todos possuem e muitas vezes não sabemos utilizar. Essa palavra pode causar sensação de alívio por significar que temos a liberdade de fazer ou manifestar em nossas vidas a sensação plena de iniciarmos ou darmos um sentido maior a nossa realidade e uma direção a rotina. Mas será que sabemos realmente como usar o poder do nosso livre arbítrio em nossas vidas para obtermos o que desejamos?

Parece óbvio demais que, desde o momento que acordamos pela manhã até a hora que vamos dormir, temos que tomar diversas decisões importantes para comandar nossas jornadas diárias. Nem sempre conseguimos usufruir plenamente dessa capacidade e por vezes boicotamos com escolhas erradas o próprio sucesso por não pensarmos muito a respeito dessa tão fabulosa ferramenta.

Vou ou volto? Aceito esse trabalho ou vou tirar férias? Mudo ou continuo na mesma? Visto azul ou amarelo?  Continuo na academia ou vou saltar de asa delta? Vou pra Nova Iorque ou compro passagem pra Tokio? Ajudo meu amigo ou priorizo a mim mesmo? A vida exige escolhas e essas são frutos da forma como usaremos essa habilidade.

Não obstante é comum nos depararmos frequentemente com várias portas que são colocadas diariamente diante de nós e a sensação de dúvida pode nos paralisar diante da impulsividade ou da passividade que se possui em relação a qual dessas “portas” entrar. Melhor que ficar hesitante e em cima do muro será com certeza optar por uma delas e não resistir na sua decisão.

O livre-arbítrio tem a ver com escolhas e decisões que tomamos na estrada da vida. Como usar desse poder para assim conquistar o melhor caminho ? Como saber se a escolha que fizer será a melhor opção? Nesse sentido pesar a forma como opta por um lado ou por outro requer certa coragem e também prudência. Nem sempre a experiência conta nesse caso e sim a forma como se escuta a própria intuição e se tem a certeza interior do que se deseja e onde quer chegar. Isso serve para coisas simples e também para as situações mais complexas.

Na minha filosofia de vida penso sempre que a escolha “certa” será aquela que sempre vem acompanhada de sabedoria e que não irá prejudicar ninguém. Ninguém mesmo! Quando abdicamos do nosso ego em prol de algo maior em nossas vidas. Parece fácil agir assim mas não é na prática . Em muitos casos acabamos por optar por coisas que agridem o próximo e com essa atitude no final das contas a conta volta com juros de correção…como o efeito bumerangue. Tudo que vai…volta… depois reclamamos que não temos nenhuma responsabilidade sobre isso.

Recomendo para pessoas que são muito hesitantes e resistentes a mudanças de pensamento que vivem batendo a cabeça no mesmo tipo de situação o uso das pedras hematita e a amazonita. Duas pedras benéficas para fortalecer e acelerar a pessoa sair do marasmo e ir avante com a convicção plena de que está fazendo o seu melhor nessa jornada. Sem medo de tomar novas direções e com a força que necessitam para enfrentar os desafios do dia a dia. Usem por seis meses e se conectem com maiores dimensões até sentirem que tomar decisões nada mais são que hábitos saudáveis que todo ser humano faz em quaisquer situações que considere mais difíceis.

Nas decisões que são exigidas respostas rápidas e que são relacionadas às coisas do coração use uma rodocrosita. A vida nem sempre pode não ter as respostas mais simples mas com pensamentos positivos e sendo auxiliado por essas pedras naturais indicadas com certeza as decisões a partir de então serão mais sensatas em sua vida e como consequência o livre arbítrio fluirá melhor trazendo novo frescor aqueles que consideram a arte de decidir uma tarefa árdua.

Bjs e luz! Namastê !

Leia Mais

O poder do perfume

Você sabe qual o verdadeiro poder da utilização de um perfume? Parece ser tão banal o uso de um perfume no dia a dia mas ao contrário do que se pensa esse poder é muito grande além de ser fascinante.

Em primeiro lugar , o perfume que se escolhe para usar diz muito sobre a personalidade de quem o usa. As fragrâncias são diversas e vão dos tons florais até os frutais. Florais dizem mais sobre personalidade romântica e sonhadores enquanto os frutais se relacionam a pessoas mais alegres e otimistas na sua maioria. Os tons amadeirados tem relação a pessoas mais racionais e pés no chão. Os tons apimentados a pessoas mais sensuais. E por aí vai! Uma gama de diversidades existem atualmente no mercado de consumo . Ao optar por uma determinada marca ou tipo a pessoa está diretamente se conectando consciente ou inconscientemente com o seu tipo de eu mais profundo. Puro autoconhecimento!! Um tipo de perfume também tem o poder de atrair ou de repelir e não é raro quando alguém lembra de uma ocasião em que foi mais ou menos feliz ao usar tal perfume. Também quando esteve em determinado ambiente e o perfume o fez relembrar algo bom ou difícil .

A importância do perfume e a força da presença que esse deixa no “ar” pode influenciar diretamente ou indiretamente até nos negócios e relacionamentos entre as pessoas que se encontram em determinado momento. E fora o poder que o perfume também pode fazer através das curas físicas e espirituais. Elevando ou diminuindo a autoestima de um indivíduo. Pois é muito importante que cada pessoa pesquise e faça uma autoanálise sobre a influência que o próprio perfume pessoal pode causar no ambiente ao redor e nas pessoas próximas a ela.

Um cheiro que soa desagradável em outras pessoas pode ser indício de que se escolheu a fragrância errada para si. Ao contrário, se causar prazer aos outros quer significar que a escolha foi mais do que acertada. Que tal pensar sobre esse tema na sua próxima compra? E pode acontecer também de em determinadas épocas precisar usar um determinado perfume e depois enjoar e sentir necessidade de trocar por um outro tipo. Isso acontece por uma única razão , o efeito que você precisava antes por algum motivo completou sua missão .

Os tempos mudaram assim como as pessoas e situações também mudam. E ter flexibilidade para fazer mudanças inclusive no uso rotineiro de um perfume faz parte de uma evolução não apenas interna mas externa por assim dizendo. No estudo da aromaterapia pode se encontrar diversos tipos de óleos essenciais, aprender a fabricar o próprio perfume e incutir a sua personalidade marcante.

Como aromaterapêuta costumo sugerir que as pessoas sintam o cheiro e os aromas que lhe se apresentam mais fascinantes e tenham através da obtenção do momento presente a sua necessidade real ao escolher um perfume. Sabendo a partir de agora que a força de um perfume que se usa no corpo ou no ambiente tem muito a ver com a personalidade e também sobre a necessidade que se tem de determinado aroma em sua vida.

Mônika mgm Nakamura

Leia Mais